relevant to orgasm, absence of African mango diet pills african mango
ago 24

carnaval

A indicação da sugestão de pauta de hoje é de Cícero Vilas Boas, estudante de Design e vencedor do concurso da logomarca deste blog. Sua proposta é levantar discussões a respeito do uso do espaço público no carnaval.

O Conselho do Carnaval anunciou em junho deste ano, por decisão unânime, a retirada da Avenida Carlos Gomes do circuito carnavalesco. O novo trajeto dos trios começaria no Hotel da Bahia, seguiria pelo Campo Grande em direção à Avenida Sete e terminaria na Praça Castro Alves. Segundo o Conselho, o objetivo do projeto é fortalecer o circuito Osmar Macêdo, acabar com o congestionamento dos trios, proporcionar aos foliões mais espaço e comodidade para curtir a festa.

No entanto, a Salvador Turismo (Saltur) julgou técnica e operacionalmente inviável o projeto. Segundo a empresa há diversos problemas na decisão e o maior deles é relativo à dispersão de foliões e trios a partir da Praça Castro Alves. Caso isto acontecesse, haveria choques diretos com os blocos que circulam no espaço Batatinha, no Centro Histórico, o que poderia acarretar uma série de problemas.

Diante de tanta polêmica, qual é a sua opinião em relação à mudança do trecho? O circuito tradicional deveria ser mantido? Ou a Praça Castro Alves deveria voltar a ser o símbolo do carnaval de Salvador? E os blocos afros e o Gandhi, por exemplo, seriam prejudicados?

Decisões referentes às manifestações culturais devem ser tomadas com muita cautela, sobre tudo para os órgãos, que homologam propostas, ao invés de torna-se responsável pela regulamentação, fiscalização e consulta dos participantes das festas relativas à cultura.

O Blog da Uneb é um espaço para interações e discussões, então amanhã a professora Tânia Cordeiro vai dizer o que pensa sobre o carnaval e as condição que se propõe esta mudança de circuito.